HERDEIROS DA PROMESSA

Há alguns dias estava lendo um texto do Direito que relatava em seu assunto principal os caminhos do Judiciário quando se trata de heranças. Dentro dos estudos sobre Direito de herança existem diversas ramificações, assim como em boa parte de nossas leis; mas não é unicamente sobre esse assunto que trata essa reflexão.
 Lendo a bíblia alguns dias depois, encontrei um versículo muito conhecido, entretanto nunca tinha me chamado a atenção como naquela noite. Na carta de Paulo aos Romanos 8.17 encontramos: E, se nós somos filhos, somos logo herdeiros também, herdeiros de Deus, e co-herdeiros de Cristo: se é certo que com ele padeçamos, para que também com ele sejamos glorificados.
Dividi o versículo em três partes e percebi o tamanho do amor de Deus para conosco. Paulo, apóstolo de Cristo, tratava comumente aos novos cristãos como filhos. (Gálatas 3.26, Filipenses 2.15 , Efésios 5.1 e muitas outras referências) não é diferente nesse trecho – quando começa destacando - nós somos filhos. Perceba que antes da cruz éramos infiéis, corruptos e pecadores, mas pela graça de Deus fomos transformados em filhos. Não foi apenas em um parente, alguém próximo, não – ele nos deu o direito de chamá-lo de Pai.
E assim, somente a partir da cruz, é que podemos entender a segunda parte do versículo; na definição do Judiciário entende-se por herança quando - em virtude da morte de alguém é transmitido o conjunto de direitos e obrigações a uma pessoa ou várias pessoas, que sobreviveram ao falecido. Vivia-se longe de Deus, mas pela sua graça tornamos filhos e somos logo herdeiros também, herdeiros de Deus.
O que iremos herdar está escrito no livro do testamento e a herança é um tesouro que jamais poderá ser comparado:
O que vencer não receberá o dano da segunda morte. Apocalipse 2.11
(e essa é a promessa de vida eterna),

Será vestido de vestes brancas, e de maneira nenhuma riscarei o seu nome do livro da vida; e confessarei o seu nome diante de meu Pai e diante dos seus anjos.Apocalipse 3.5( a essa chamamos de Salvação),

E levou-me em espírito a um grande e alto monte, e mostrou-me a grande cidade, a santa Jerusalém, que de Deus descia do céu.E tinha a glória de Deus; e a sua luz era semelhante a uma pedra preciosíssima Apocalipse 21.10,11ª (e essa é a morada dos herdeiros da promessa).

Contudo a terceira e última parte diz, se é certo que com ele padecemos, para que também com ele sejamos glorificados. No Direito – em uma das ramificações que citei no início do texto aparece o seguinte ponto. Herança jacente é aquela cujos herdeiros ainda não são conhecidos, ou, se conhecidos, renunciaram à herança, não havendo outros. Quantos herdeiros ainda não conhecem sua herança e até mesmo quantos de nossos amigos renunciaram à herança? Pense nisso.
Paz do Senhor!

Neto
Jovem da A.D Bela Vista - SEDE

Artigos Relacionados

4 comentários:

Josué disse...

Ótima reflexão. Deus te abençoe Neto.

3 de jan de 2011 10:25:00
RamonGuitar==::: disse...

Muito bom Neto, Parabens! Que Deus continue lhe usando assim...

3 de jan de 2011 10:37:00
Thiago Yoshi disse...

Ótima reflexão[2]

4 de jan de 2011 14:25:00
samanda disse...

Glória a Deus!!! Muito bom Neto... Que Deus o continue abençoando.

19 de jan de 2011 17:07:00